'Bope' da internet cuida de 60 ataques graves diários.

Alvos de uma média de 2.100 incidentes por hora, as redes do governo federal contam com um esquadrão de elite na Presidência da República para solucionar os casos mais graves.

Do total de notificações registradas diariamente, cerca de 60 são considerados mais sérios, como vírus desconhecidos e tentativas de roubo de dados ou invasões de redes. "Nós somos o Bope da internet. Ninguém vai embora sem resolver esses ataques", disse Raphael Mandarino Jr, chefe do departamento de Segurança da Informação e Comunicações.

A maioria dos ataques às redes do governo federal está relacionada ao abuso de sites (desconfiguração, vulnerabilidade de códigos e de servidores), "phishing"(fraude eletrônica para "pescar" dados como senhas) e "malwares" (programas que se infiltram como vírus).

Para se defender de ataques, o governo lança hoje dois novos produtos, entre eles a aprimoração do algoritmo de Estado, uma espécie de função matemática usada para criptografar dados.

Usado pelo Brasil há mais de 10 anos, o sistema criptografado, segundo Mandarino Jr., nunca foi decifrado. "É um trabalho árduo, quase anônimo, porque não publicamos os resultados", disse Otávio Carlos Cunha, da Abin (Agência Brasileira de Inteligência), que também participa da audiência pública.
 
Fonte: FOLHA PRESS

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.